top of page
Buscar
  • Foto do escritorRoberta Carvalho

Fobia Social: Características, Sintomas e Tratamento

Atualizado: 2 de ago. de 2021

O medo e a ansiedade diante de situações sociais e a busca por evitá-las trazem grande sofrimento e angústia para as pessoas que sofrem desse tipo de transtorno


Principais características


A fobia social é um tipo de transtorno de ansiedade caracterizado pelo medo e ansiedade relacionados a certas situações sociais ou de desempenho. O sentimento do indivíduo de que possa ser julgado, avaliado negativamente ou ainda rejeitado é aterrorizante.


A pessoa se preocupa se suas ações estão sendo inadequadas e sente um medo intenso de expor-se, o que faz com que passe a evitar situações de interações sociais ou as enfrente com extrema angústia e sofrimento. Tais situações geram um enorme desconforto e nervosismo e a pessoa se sente extremamente vulnerável, fazendo com que tenha uma atitude de evitação desse tipo de episódio a qualquer custo.


Em muitos casos, não reconhece que seu medo é excessivo, desproporcional à ameaça real e até mesmo irracional, e mesmo quando reconhece, sua sensação é de impotência diante desses sentimentos. O impacto de evitar essas situações é tão grande que a pessoa passa a ter inúmeros prejuízos em sua vida pessoal e profissional (trabalho, estudos, amizades, relacionamentos).

Sintomas


Dentre alguns dos principais sintomas apresentados por pessoas que apresentam a Fobia Social temos tremores nas mãos e na voz, rubor facial, náuseas e enjôos, preocupação com constrangimentos ou humilhação, sudorese, palpitações, falta de ar e tonturas.


Algumas vezes os sintomas da fobia social podem ser similares aos de uma pessoa que apresenta timidez, entretanto, os impactos na vida de alguém com fobia social são muito mais significativos.


Diante de uma situação nova ou na qual se sinta exposta, a pessoa tímida irá sentir algum nervosismo e poderá apresentar alguns sintomas, mas para o indivíduo com fobia social a mesma exposição irá gerar uma sensação muito mais intensa acompanhada de um pavor e angústia em níveis extremos.


Causas e tratamento


As causas da Fobia Social podem ser inúmeras, mas estudos indicam que seu surgimento muitas vezes tem relação com o ambiente em que a pessoa está inserida, com a criação que teve em casa com os pais ou algum evento traumático vivido relacionado a rejeição, ridicularização ou bullying.


O acompanhamento psicológico é muito recomendado e eficaz para as pessoas que sofrem de Fobia Social. O trabalho irá buscar compreender as situações que despertam tais sensações e os momentos em que surgem os sintomas, assim como eventos vividos no passado que possam ter relação com o transtorno.


Em muitos casos, pode ser necessário também um acompanhamento médico, para a prescrição de medicamentos que atuarão de forma a aliviar alguns dos sintomas.



SOBRE A AUTORA

Roberta Carvalho, Psicóloga (CRP: 05/60634) formada há 14 anos pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ), com MBA em Gestão de Pessoas pela Fundação Getúlio Vargas (FGV-RJ) e formanda em Gestalt Terapia pelo ICGT.


Atendimento online e presencial:







Referência Bibliográfica:


Fobia Social – Sintomas, causas, tratamentos e medicações. 2018. Disponível em: < https://www.vittude.com/blog/fobia-social-causas-tratamentos-remedio/> Acesso em: 11 jun. 2021.

Faria, Claudia. Fobia Social: o que é, principais sintomas e tratamento. 2020. Disponível em: <https://www.tuasaude.com/fobia-social/> Acesso em 11 jun.2021.


60 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

تعليقات


bottom of page